Percepções Sobre o Lixo Doméstico Entre os Moradores do Município de Carpina-Pe

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Administração Pública

Temas Correlatos: Administração Pública;

Acessos neste artigo: 54


Certificado de participação:
Certificado de Sara Dálete Lima Dos Santos

Certificado de publicação:
Certificado de Sara Dálete Lima Dos Santos
Certificado de Vera Lúcia Da Conceição Neto

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Sara Dálete Lima Dos Santos , Vera Lúcia Da Conceição Neto

ABSTRACT
Em meio a realidade de certas cidades brasileiras terem exposto falhas de coordenação nos processos com os Resíduos Sólidos Urbanos, essa pesquisa identificou e analisou as percepções dos munícipes de Carpina-PE (cidade localizada na Zona da Mata no Norte de Pernambuco) acerca da gestão do lixo doméstico gerado na cidade. A metodologia utilizada foi de abordagem quantitativa-qualitativa de análise descritiva por meio de questionário respondido por 53 pessoas, onde os dados foram tratados pela análise de conteúdo. A pesquisa colabora para discussões e reflexões acerca de benefícios em prol da gestão do lixo doméstico com integração do papel da sociedade e poder público na gestão do município. Os principais resultados apontaram insatisfação da maior parte dos moradores e anseio de melhora quanto ao tratamento dos resíduos domésticos dado pela gestão municipal, em especial a falta da coleta seletiva e campanhas educativas orientadas à separação seletiva aliada à estrutura para melhor tratamento ao lixo. Desse modo as contribuições atreladas à pesquisa estão nas informações sobre as visões obtidas pelos munícipes no âmbito social referente ao próprio lixo doméstico/urbano de quais pontos precisam de aperfeiçoamento ou quais ainda causam insatisfação aos munícipes para que haja atenção e ações corretivas por parte do poder público nesse sentido. Os resultados demonstraram a insatisfação por parte dos moradores quanto à gestão dos resíduos sólidos urbanos embora tenha havido melhora em parte do processo da gestão, na transferência dos resíduos para uma Central de Tratamento Especial (aterro sanitário), ainda há muito a melhorar nos aspectos dos processos inclusos no gerenciamento de resíduos sólidos como: coleta, transporte, transbordo, tratamento, destinação e disposição final; assim como a implantação eficaz de plano municipal de gestão integrada de resíduos sólidos, conforme estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 12.305).

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Nathan Pompermayer 05-11-2023 23:45:33

Tema muito relevante, visto a necessidade de políticas públicas para solucionar a questão da destinação correta dos resíduos produzidos pela população. Parabéns pela pesquisa.

Foto do Usuário Pedro A Daneluti Ferreira 22-11-2023 16:08:33

Tema relevante e atual!

Foto do Usuário Sofia Figaro Rizzo 29-11-2023 14:47:40

Pesquisa que contribui muito para o debate sobre o lixo doméstico e as necessidades de ações para essa pauta, parabéns! Percebe-se muito necessário políticas públicas e novas abordagens para a solução desse problema sanitário. Acredito que seja importante destacar também a necessidade de conscientizar e educar constantemente a população sobre descarte de lixo...

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.