A PERCEPÇÃO DOS PROFISSIONAIS CONTÁBEIS EM RELAÇÃO A RESILIÊNCIA COMO AUXÍLIO NO ENFRENTAMENTO DA SÍNDROME DE BURNOUT

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Contabilidade

Acessos neste artigo: 83


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Lígia Maria De Paula , Rosângela Queiroz Souza Valdevino , Pablo Marlon Medeiros Da Silva , Brena Samara De Paula , Susane Isabelle Dos Santos , Adriana Martins De Oliveira

ABSTRACT
Considerando o contexto atual, em que os ambientes de trabalho apresentam cada dia mais variáveis estressoras que podem desencadear doenças de ordem físicas e mentais, em que pode-se destacar a Síndrome de Burnout (SB). Para tanto, alguns estudos têm tratado sobre a resiliência humana, a fim de entendê-la como mecanismo de auxilio nesse intuito. Portanto, o presente estudo tem como objetivo analisar a percepção dos profissionais contábeis em relação a resiliência como auxílio no enfrentamento da Síndrome de Burnout. No que se refere ao procedimento metodologico a pesquisa tem caráter quantitativo, de tipologia descritiva, realizada por conveniencia, com 22 profissionais contábeis da cidade de Mossoró – RN. Dentre os principais achados destacam-se o alto índice de profissionais com caracteristicas de resiliência em que 36% dos contadores apresentaram relevantes níveis de percepção positiva quanto à resiliência, em paralelo relacionado a Síndrome, 27% dos contadores se apresentaram com consideráveis níveis de estresse laboral. Diante desse contexto a análise das variáveis interligadas mostraram que a resiliência enquanto mecanismo de defesa frente a Síndrome de Burnout, se apresentou de maneira discreta, pois apesar de apresentarem características resilientes significativas, ainda assim a Síndrome se fez presente. Nesse sentido, o presente estudo contribuiu para fomentar o surgimento de novas perspectivas voltadas para a disseminação do tema de maneira holística, como também fornece mecanismos base para estudos posteriores relacionados com a temática, por considerar a escassez de estudos nacionais voltados a essa problemática.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Lua Syrma Zaniah Santos 20-11-2023 15:06:37

Olá! Parabenizo aos autores pelo trabalho! Em relação às contribuições, pontuo que: A amostra estudada seja mais detalhada: quais profissionais contábeis foram consultados: técnicos, contadores, professores da área? Adicionalmente, uma tabela com estatísticas descritivas a respeito dos dois eixos abordados nas escalas( resiliência e Burnout) com medidas de médias, medianas, valores máximos e mínimos e coeficiente de variação poderiam enriquecer o entendimento acerca dos pesquisados e suas respostas. Ademais, as assertivas do questionário também poderiam ter sido explicitas, e essencialmente, uma medida de validação do mesmo, tal como o Alfa de Cronbach. Por fim, testes adicionais de correlação e de diferenças de medianas entre os grupos da pesquisa poderiam elevar a qualidade dos achados e discussões, que poderiam ser confrontadas com achados de trabalhos anteriores relacionados. Cordialmente,

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.