Análise do Custo na Cadeia de Valor do E&P, Refino, Transporte e Comercialização, Corporativos e Outros Negócios na Petrobras.

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Contabilidade

Temas Correlatos: Gestão estratégica;

Acessos neste artigo: 96


Certificado de publicação:
Certificado de Francisco Caninde Da Silva
Certificado de Paulo Vitor Jordão Da Gama Silva

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Francisco Caninde Da Silva , Paulo Vitor Jordão Da Gama Silva

ABSTRACT
Análise do custo na cadeia de valor do E&P, Refino, Transporte e Comercialização, corporativos e outros negócios da Petrobras, com base no formulário 20F de 2022, apresentou uma análise abrangente dos custos em diferentes segmentos de negócios da Petrobras. O objetivo do estudo é compreender e identificar os principais fatores que influenciam os custos em cada etapa da cadeia de valor da empresa no período de 2018 a 2022. A pesquisa abrange os segmentos de Exploração e Produção (E&P), Refino, Transporte e Comercialização, além dos setores corporativos e outros negócios da Petrobras. Para alcançar esse objetivo, o estudo utiliza uma abordagem metodológica que envolve revisão da literatura, coleta de dados internos e externos da Petrobras, e análise dos custos por meio de técnicas quantitativas e qualitativas. Os resultados da pesquisa revelaram os principais direcionadores de custos em cada segmento de negócio da Petrobras, identificado os componentes que mais contribuíram para os custos totais. Além disso, são discutidas as implicações financeiras e competitivas desses custos na empresa. A análise também destaca desafios e oportunidades para a redução de custos em cada etapa da cadeia de valor da Petrobras. São apresentadas estratégias e ações que podem ser adotadas, como melhorias nos processos, otimização da eficiência operacional, adoção de tecnologias inovadoras, parcerias estratégicas, entre outras.  A conclusão do estudo ressalta a importância da gestão eficiente dos custos em toda a cadeia de valor da Petrobras para maximizar a competitividade e o desempenho financeiro da empresa. Sugestões para pesquisas futuras também são mencionadas, visando aprofundar a compreensão dos fatores que influenciam os custos e aprimorar as estratégias de redução de custos na indústria do petróleo e ainda fornece insights valiosos para a empresa e contribui para o conhecimento na área de gestão de custos no setor de petróleo e gás.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Wellington Torres Santos 22-11-2023 11:00:56

Parabéns pela escolha do tema e pela relevância das informações para interessados em investir e/ou conhecer informações sobre gastos relacionados à área petrolífera. Consideramos salutar a identificação de quatro principais áreas de absorção de custos em uma empresa como a Petrobras, sendo que, acreditávamos que os principais custos estivessem ligados à área de Exploração e Produção e não ao Refino, Transporte e Comercialização. Para melhor entendimento, a tabela 1, destaca a superioridade dos custos do RTC em relação aos demais, e, quando da retomada dos investimentos pós ano de 2020, observa-se que há um acréscimo nos custos do RTC da ordem de 48% contra um aumento de 29% e 20% nos custos de E&P e Gás e Energia, respectivamente, com uma redução de 1% nos demais custos. Esperamos que trabalhos como este possam contribuir para o conhecimento da cadeia de custos no processo de fabricação de combustíveis e lubrificantes em nosso país.

Foto do Usuário álaze Gabriel Do Breviário 04-12-2023 13:02:52

Silva (2023), trabalho bem redigido e bem conduzido. Fundamentação teórica coerente e condizente com a literatura científica da temática, e com a realidade observado no mercado. Referências diversificadas, entre clássicas e mais atualizadas. Bem selecionada. Pesquisa aplicada, bibliográfica e documental, qualitativa,com resultados e conclusões relevantes; aplica tratamento quantitativo em sensito lato sensu, fazendo a pesquisa qualitativa se assemelhar à pesquisa quantitativa em alguns aspectos. Parabéns a você por essa pesquisa!!!

Foto do Usuário álaze Gabriel Do Breviário 04-12-2023 15:14:47

Dei esse parecer técnico de forma breve, em virtude de ser véspera do CONVIBRA 2023, e eu ter um compromisso inaldiável mais tarde. Mas, esse parecer é técnico-científico porque fiz leitura cabal do trabalho, analisando-o teórica, empírica e metodologicamente. Meus dizeres expressam sinteticamente o que eu gostaria de dizer com muitos textos, documentos, links, etc., não deu para fazer isso agora, mas podemos refinar nosso entendimento durante sua apresentação, e após o evento, posso enviar materiais adicionais para complementar meu parecer dado aqui.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.