COMPOSIÇÃO QUÍMICA E POTENCIAL FUNGICIDA DO ÓLEO ESSENCIAL DE LAVANDA

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Fitopatologia

Acessos neste artigo: 53


Certificado de publicação:
Certificado de Rubens Candido Zimmermann

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Júlia Sant’ Ana , Rubens Candido Zimmermann , Matheus Beger , Edson José Mazarotto , Carolina Gracia Poitevin , Milena Ielen , Sofia Bin Macedo , Roger Raupp Cipriano , Henrique Da Silva Silveira Duarte

ABSTRACT
As espécies do gênero Fusarium são um problema fitossanitário para diversas culturas agrícolas, por ocasionarem prejuízos em campo e durante o armazenamento. Os fungicidas sintéticos são a principal estratégia de controle, porém o uso intensivo e indiscriminado dessas substancias ocasiona diversos impactos negativos, incluindo resistência. Uma alternativa promissora é a utilização de óleos essenciais (OEs) que são substâncias químicas com propriedades fungicidas. Nesse contexto, a presente pesquisa objetivou avaliar a composição química e o potencial efeito fungicida do OE de lavanda (Lavandula dentata) contra isolados de Fusarium culmorum e Fusarium graminearum. Os isolados de fúngicos foram obtidos a partir do isolamento de grãos de trigo. O OE foi extraído por arraste a vapor em dorna, e a análise da composição química foi realizada por cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massas. A atividade fungicida foi avaliada pelo método de volatilização e contato. Foram identificados 22 compostos que representam 92,83% da composição química total. O método de contato foi mais eficaz para ambos os isolados. Não houve diferença na inibição entre os isolados para ambos os métodos. O OE de L. dentata demonstra ter atividade fungicida apenas pelo método de contato na inibição de espécies de Fusarium.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Andrey Martinez Rebelo 19-06-2023 15:07:16

Parabéns pelo trabalho. Sugiro que seja dada continuidade a pesquisa na busca pela ou pelas moléculas responsáveis pela ação. visto que de posse da composição química este caminho parece ser a próxima etapa, afim de padronizar futuros produtos oriundos desta pesquisa.

Foto do Usuário Larissa De Souza Gois 19-06-2023 22:32:53

Ótimo trabalho pois demostra que os metabolitos secundários de Lavanda tem ação sobre fungos patogênicos como Fusarium sp. Demonstrando a ação tanto de contato como por volatilização o que é bem interessante pra área da pós colheita. Servido assim como base para novos estudos de uso destas substâncias na pós colheita de grão evitando percas com o armazenamento.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.