ATIVIDADE HERBICIDA DE PALHADA E EXTRATO DE SORGO

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Fisiologia e Produção Vegetal

Temas Correlatos: Agricultura;

Acessos neste artigo: 196


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Alinne Coelho De Melo , Amanda Ayda Garcia Basílio , Mariana Souza Gratão , Rodrigo Cavalcante Pereira Silva , Nathália Carvalho Cardoso , Robson José Ferreira Júnior , Luiz Antônio Freitas Soares , Larissa Pacheco Borges , Fábio Santos Matos

ABSTRACT
O estudo teve como objetivo avaliar e identificar a ação herbicida da palhada e do extrato aquoso de plantas de sorgo no controle de plantas daninhas. O experimento foi montado seguindo o delineamento inteiramente casualizado em esquema de parcelas subdivididas com duas parcelas e duas subparcelas, sendo o tratamento principal alocado nas parcelas. As aplicações do extrato aquoso de sorgo ocorreram em três momentos ao longo do ciclo da soja nos estádios V3, R1 e R5. A palhada de sorgo reduziu aproximadamente 44% a densidade de plantas daninhas em relação ao solo coberto com palhada de milho. A palhada de sorgo afetou os componentes de rendimento de soja, porém o controle pós-emergente com extrato aquoso de sorgo promoveu controle de plantas daninhas e permitiu a soja desenvolver sem estresse causado pela competição de recursos produtivos como água, luz e nutrientes. 

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.