ANÁLISE COMPARATIVA DAS CARACTERÍSTICAS FÍSICA DOS CACHOS DA CV. BRS VIOLETA DE 1° E 2° SAFRA.

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Agricultura

Temas Correlatos: Agricultura;

Acessos neste artigo: 261


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

João Paulo Balbino Da Silva , Ruan Carlos Corrêa , Guilherme Teixeira Simões , Maiqui Izidoro , Lucas Eduardo De Oliveira Aparecido , Tais Carolina Franqueiro De Toledo Sartori

ABSTRACT
A cultivar de uva BRS Violeta resulta do cruzamento entre outras duas variedades, selecionada pela produtividade, sabor, coloração e teor de açúcar. O estudo foi realizado no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais - Campus Muzambinho, com objetivo avaliar as características físicas dos cachos da cv. BRS Violeta, durante duas safras. As videiras já estavam plantadas há cinco anos, no sistema de condução em ''Y'' ou ''manjedoura'', com cobertura plástica e irrigação por gotejamento, e adubação baseada na análise química do solo. Foram realizadas análises físicas dos cachos e bagas, como massa fresca, comprimento e largura, e determinação dos teores de sólidos solúveis. Os resultados mostraram que não houve diferença significativa na massa fresca do cacho, massa fresca do engaço, comprimento do cacho, largura do cacho e largura do engaço, mas houve diferença estatística significativa no comprimento do engaço. Sendo todos os resultados submetidos à análise estatística por meio do programa computacional SISVAR.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.