artigos
Convibra Conference - A CULTURA ORGANIZACIONAL DE UMA INSTITUIÇÃO DO TERCEIRO SETOR: UM ESTUDO À LUZ DO MODELO DE CAMERON E QUINN
A CULTURA ORGANIZACIONAL DE UMA INSTITUIÇÃO DO TERCEIRO SETOR: UM ESTUDO À LUZ DO MODELO DE CAMERON E QUINN

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Terceiro Setor e Responsabilidade Social

Temas Correlatos: Ensino e Pesquisa em Administração;

Acessos neste artigo: 23


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Rennan Luz Lopes , Ana Cecilia Vale Lima , José Barbosa De Lima Filho , Sandra Maria Dos Santos , Augusto Cézar De Aquino Cabral

ABSTRACT
O comportamento humano dentro de uma organização recebe influência cultural do meio em que o indivíduo está inserido, havendo, então, uma relação intrínseca entre a cultura na qual o indivíduo foi formado e na influência desta em sua organização. Este estudo tem como objetivo geral caracterizar a cultura organizacional de uma instituição do terceiro setor utilizando o modelo de Cameron e Quinn, que classifica a cultura organizacional em quatro tipologias: clã, inovativa, hierárquica e de mercado. Quanto aos fins, este trabalho é exploratório e descritivo, e, quanto aos meios, estudo de caso. A unidade de análise da pesquisa é a Agência de Desenvolvimento Econômico Local – Adel. A pesquisa concluiu que a Adel possui cultura organizacional com equilíbrio entre as tipologias clã, inovativa e hierárquica. Embora com menos intensidade, a cultura de mercado também está presente.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.