artigos
Convibra Conference - Comparação Entre Métodos Para Determinação de Carbono Orgânico em Solos de Manguezais da Baía de Todos os Santos
Comparação Entre Métodos Para Determinação de Carbono Orgânico em Solos de Manguezais da Baía de Todos os Santos

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Ciências do solo

Temas Correlatos: Sustentabilidade ambiental;

Acessos neste artigo: 10


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Edna De Souza Souza

ABSTRACT
Devido aos efeitos de mudanças climáticas, o monitoramento preciso da variação do teor de carbono em manguezais passa ser de suma importância. Estudo em condição de laboratório comparou o teor de carbono orgânico determinado pelo método via úmida, baseado na oxidação do dicromato e via seca pelo processo de combustão e perda de massa pela incineração em mufla, em amostras de solos coletadas em manguezais da Baía de Todos os Santos. Nos solos da Zona alagada, não houve diferença entre o teor de carbono determinado pelos dois métodos variou entre 1,07 ± 0,47 a 3,35± 1.98 dag kg-1. Entretanto, para a região de bosque com maior teor de matéria orgânica o teor de C-orgânico determinado por via seca foi entre 1.5 a 2.0 maior do que a determinação via úmida. Os valores de carbono por via seca nos bosques variou de 15,60 ±0,38 a 11,83± 3,54.  

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Gabriela Maria Leme Trivellato 09-06-2022 18:13:00

Trabalho de grande utilidade hoje dia, em vista da importância da preservação desses ecossistemas. Parabéns pela pesquisa!

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.