artigos
Convibra Conference - Liberação de Fertilizante Potássico Recoberto com Polímero
Liberação de Fertilizante Potássico Recoberto com Polímero

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Ciências do solo

Temas Correlatos: Agrotech;

Acessos neste artigo: 13


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Edson Pereira Da Mota , Letícia Christiane Serafim , Marcos Yassuo Kamogawa , Godofredo Cesar Vitti

ABSTRACT
Dentre os desafios enfrentados na produção agrícola, um dos principais se direciona a busca de novos meios para que se alcancem maiores eficiências dos insumos, com destaque para os fertilizantes, uma vez que possuem grande importância entre os fatores de produção.  A linha de pesquisa dos fertilizantes com tecnologias agregadas surge como uma das alternativas possíveis, sendo o recobrimento físico dos grânulos do fertilizante uma opção relevante a ser estudada. O objetivo foi estudar a dinâmica de liberação de fertilizante potássico de liberação controlada (revestido), verificando a influência de porcentagens de recobrimento aplicadas ao fertilizante e seus reflexos no tempo necessário à liberação. Experimentos idênticos foram conduzidos em ambiente controlado (laboratório) e casa de vegetação. Foram utilizadas 5 porcentagens de polímero de poliuretano para o recobrimento do cloreto de potássio (KCl) e, um tratamento sem recobrimento. Utilizando bolsas porosas, confeccionadas com telas permeáveis, alocaram-se os fertilizantes e estes foram enterrados em vasos contendo 1 kg de um Latossolo Vermelho-amarelo. Semanalmente, coletas das bolsas porosas contendo o fertilizante foram realizadas e encaminhou-se o material à análise química. Os resultados, analisados por teste de comparação de médias (Duncan a 5% de significância) ao final do experimento, mostraram que recobrimentos superiores a 6,75% (m/m) atrasam a liberação do KCl para o solo e, na medida em que se aumenta a porcentagem de recobrimento, diminui-se a liberação, independentemente do local de alocação do fertilizante. Assim a proteção física pode ser considerada como alternativa ao aprimoramento do uso desse insumo.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.