artigos
Convibra Conference - Crescimento e Produção de Matéria Seca de Mudas de Maracujazeiro-Amarelo Cultivadas em Solução Nutritiva com Excesso de Amônio
Crescimento e Produção de Matéria Seca de Mudas de Maracujazeiro-Amarelo Cultivadas em Solução Nutritiva com Excesso de Amônio

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Horticultura

Temas Correlatos: Nutrição de Plantas;

Acessos neste artigo: 1


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Felipe Tote Nunes Pontes , Nilzamara Mendonça Do Nascimento , Sâmia Dos Santos Matos , Érika Lima Mendes , Gabriel Barbosa Da Silva Júnior

ABSTRACT
Neste trabalho, objetivou-se avaliar o crescimento e a produção de matéria seca das mudas de maracujazeiro-amarelo em função das concentrações de amônio (NH4+) em solução nutritiva. O experimento foi conduzido de agosto a novembro de 2020 no telado do Departamento de Fitotecnia, Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Piauí, Teresina – PI. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com 4 repetições envolvendo três concentrações de amônio: sem toxidade (5,0 mmol L-1); toxidade moderada (10,0 mmol L-1) e toxidade elevada (20 mmol L-1). Aos 30 dias após o transplantio, foram realizadas avaliações de altura da planta, diâmetro do caule, clorofila foliar, volume radicular e massa seca da parte aérea e da raiz. As concentrações de amônio aplicadas tiveram efeito significativo, sobre os parâmetros diâmetro do caule, volume de radicular e matéria seca da raiz das mudas de maracujazeiro-amarelo. 

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.