artigos
Convibra Conference - Rotatividade: Estudo Bibliométrico das Publicações entre 2018 e 2020
Rotatividade: Estudo Bibliométrico das Publicações entre 2018 e 2020

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Gestão de RH

Acessos neste artigo: 85


Certificado de publicação:
Certificado de Noezia Maria Ramos

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Noezia Maria Ramos , Gabriel Mota Borges

ABSTRACT
Com o propósito de contextualizar o assunto rotatividade buscou-se por meio deste estudo responder a seguinte questão: Como indicador de rotatividade de pessoal, taxa de rotatividade se deu antes e durante a pandemia do Covid 19? De natureza bibliométrica o trabalho utiliza fontes documentais e bibliográficas nacionais acerca do tema, as quais a pretensão é fazer um mapeamento das publicações de 2018 a 2020, antes e durante a pandemia. Foram analisadas apenas as publicações nacionais por meio de pesquisa bibliométrica, com base nos estudos da base Spell cujas referências bibliográficas foram lançadas em uma planilha do MS Excel e desta seleção as referências foram lançadas no Mendeley Desktop 1.19.8. Esta pesquisa, quanto aos objetivos classificou-se como descritiva, quanto à abordagem é qualitativa, a estratégia de coleta de dados foi a pesquisa bibliométrica. Optou-se por este estudo em face da constatação de que a rotatividade, principalmente em face da Pandemia do Covid -19, gera prejuízo para as empresas com gastos referentes aos desligamentos e novas admissões, bem como queda na qualidade e consequentes desgastes. Através dos resultados constatou-se a relevância da temática na atualidade. Verificou-se que são equilibradas tanto as pesquisas quantitativas quanto qualitativas, sendo tema relevante tanto para o cenário organizacional e para o meio acadêmico. As publicações com maior incidência datam o ano de 2019 como o mais produtivo em publicações acerca da temática. Foram encontrados 203 artigos, 538 autores por apuração completa e 628 citações. Os resultados apontaram que o índice de rotatividade de pessoal em sua maioria está relacionado à má gestão de recursos humanos, o que pode ocasionar até mesmo o encerramento das atividades da empresa. Assim, conclui-se que a rotatividade está dentre um dos indicadores de desempenho mais aplicados à área de recursos humanos. 

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Ricardo Pereira 23-10-2021 18:26:29

Inicialmente, parabéns pela escolha de tema tão relevante para o contexto organizacional. O trabalho está bem estruturado, embora careça de alguns ajuestes. O resumo deve ser sintetizado para no máximo 250 palavras. O restante do trabalho está bem adequado, porém os dados obtidos e analisados poderiam contam ser melhor explorados com o auxílio de quadros, figuras, possibilitando melhor apreensão dos resultados alcançados com o estudo. Desejo sucesso com o trabalho!

Foto do Usuário Moacir Ferreira 02-11-2021 23:56:25

Muito bom trabalho. O interesse na rotatividade nos postos de trabalho podem ter trazido prejuízos às corporações, mas não creio que seja apenas esta visão. Algumas empresas utilizaram o argumento pandêmico para a promoção de um turn over deliberado, com demissão de empregados mais custosos com substituição por menos custosos. Creio que uma avaliação qualitativa poderia ser adicionada em estudos futuros, em que tais aspectos pudessem ser extraidos das corporações. No mais, parabéns pelo trabalho!

Foto do Usuário Brena Samara De Paula 29-11-2021 10:37:36

Gostei muito do tema, da plataforma escolhida e da forma como o conteúdo foi construído. Só achei que o lapso temporal foi muito curto para uma bibliometria. Acredito que os autores trabalhando com cinco anos daria uma contribuição muito mais relevante e seriam capazes de extrair perguntas de pesquisas intrigantes a partir de uma comparação de realidades mais bem embasada.

Foto do Usuário Lilian Maia Pascoal 29-11-2021 22:36:29

O trabalho traz um tema interessante e que, apesar de antigo, ainda muito relevante para a área de Recursos Humanos e Comportamento Organizacional. Não sei se esse estudo já foi finalizando ou ainda está em andamento e o artigo apresentando é apenas uma parte de uma pesquisa maior. Caso já esteja finalizado, sugere-se a utilização de quadros síntese para apresentação dos resultados quantitativos e qualitativos das análises realizadas, uma vez que estudos bibliométricos reúnem muitas informações distintas e os quadros e figuras facilitam a compreensão. Ademais, sugere-se a ampliação do recorte temporal para permitir uma visualização mais longitudinal de como as publicações sobre o tema vêm acontecendo.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.