artigos
Convibra Conference - Uso inadequado de medicamentos no enfrentamento da pandemia COVID-19
Uso inadequado de medicamentos no enfrentamento da pandemia COVID-19

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Saúde do Adulto e Idoso

Temas Correlatos: Saúde do Adulto e Idoso;

Acessos neste artigo: 104


Certificado de publicação:
Certificado de Stephany Nestor Da Silva

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Erika Coelho Paiva , Stephany Nestor Da Silva

ABSTRACT
A Organização Mundial da Saúde (OMS) define o uso racional de medicamentos como a “administração de fármacos apropriados ao paciente conforme suas necessidades clínicas, em doses que satisfaçam suas características individuais, por um período de tempo adequado, com o menor custo para ele e para a comunidade”. Com esta definição, a OMS declara que é fundamental que o medicamento seja prescrito adequadamente, em sua forma farmacêutica, respondendo sempre aos critérios de qualidade exigidos e cumprindo o papel terapêutico prescrito da melhor 
forma. No Brasil, observa-se bastante a prática da automedicação, logo, muitos casos recorrentes podem ser considerados como uso irracional de medicamentos, especialmente no âmbito social, relacionado à pandemia COVID-19, sendo um problema complexo que necessita de estratégias de intervenção. A COVID-19 é uma infecção viral causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2), considerada como pandemia pela OMS em março de 2020, tendo afetado centenas de milhões de pessoas ao redor do mundo até os dias atuais. Diante de um cenário crítico de Saúde 
Pública mundial, colapso hospitalar, adoecimento populacional, além da morte de muitas pessoas pela COVID-19, foi necessário buscar estratégias farmacológicas como terapêutica ou como profilaxia a esta doença infecção. Todavia, nesse contexto, o hábito de consumo / a administração de medicamentos se tornou inadequado(a) / “irracional”, levando em consideração que não há estudos que evidenciem, de forma satisfatória, suas eficácias terapêuticas contra o vírus. O projeto em questão visa abordar o consumo inadequado / irracional de medicamentos no enfrentamento da COVID-19 e alertar sobre os malefícios que podem decorrer desta prática.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Hérica Felix De Oliveira 19-10-2021 19:51:31

O artigo tem uma redação clara e objetiva. É de suma importância visto que a população tem o costume da automedicação o que pode causar uma série de efeitos podendo chegar a óbitos. Com a pandemia da covid-19, muitos com ou sem a doença, fazem uso de muitos medicamentos sem prescrição médica e sem uma análise e diagnostico, podendo causar muitos riscos á saúde.

Foto do Usuário Ana Maria Rodrigues Moreira 21-10-2021 20:23:33

Excelente trabalho, assunto muito pertinente e importante. Trata de forma clara e objetiva um problema grave. Leitura bem agradável. Parabéns !

Foto do Usuário Mariana Silva De Freitas 22-10-2021 11:26:15

O estudo aborda um tema muito importante e que deve ser discutido tendo em vista a grande repercussão de informações errôneas relacionadas a automedicação e a COVID-19. Diante do exposto, é de extrema necessidade a criação de estratégias de informações corretas sobre o real objetivo de cada medicamento e suas consequências do uso inadequado. Texto muito claro e completo.

Foto do Usuário Lívia Cunha Dos Santos Ferreira 25-10-2021 14:27:58

Excelente trabalho! É sempre importante reforçar os malefícios da automedicação e o Covid-19 nos ensinou muito sobre os prejuízos dessa prática.

Foto do Usuário Luiza Rosa Dos Santos 25-10-2021 15:54:26

Assunto extremamente relevante no contexto atual, muito bem colocado a necessidade de evidências científicas para o uso das medicações.

Foto do Usuário Maria Raquel De Carvalho Porto 25-10-2021 17:41:18

Este trabalho é muito relevante tendo em vista que, devido a pandemia ocasionada pela COVID-19 o uso incontrolável de medicamentos tem se tornado cada vez mais presente, concomitantemente o surgimento de novas patologias, como doença de Parkinson secundário e a dependência à essas medicações tem tido uma incidência significativa, o que se torna uma nova preocupação para a saúde pública.

Foto do Usuário Mayara Pereira Da Silva 25-10-2021 21:26:54

Excelente trabalho! Assunto bastante pertinente. Uma sugestão é promover a divulgação para o meio social, sendo de suma importância levar as informações de qualidade para a população geral também.

Foto do Usuário Gabriela Duran Oliveira 02-11-2021 12:14:24

Tema extremamente relevante, visto que a automedicação é uma prática muito comum no Brasil, e não só durante a pandemia da covid-19. Diante do exposto, fica claro que devemos criar estratégias de educação em saúde para informar a população sobre os riscos dessa prática. Parabéns, escrita bem clara e objetiva!!

Foto do Usuário Carolina Oliveira Gomes 04-11-2021 14:44:23

Extremamente importante a temática abordada, principalmente devido a movimentação social crescente de automedicação durante o COVID 19, meus parabéns!

Foto do Usuário Mylena De Souza Ribas 07-11-2021 17:59:58

Assunto de suma importância, descrito com clareza e objetividade. Demonstra a importância do uso racional e consciente de fármacos e que devemos explicar aos pacientes sobre os malefícios que a automedicação proporciona.

Foto do Usuário Adriana Ferreira Machado 12-11-2021 09:21:32

Excelente trabalho! Fica clara a nossa responsabilidade, como profissionais da saúde, de conhecer os fármacos e suas indicações e não prescrever ou incentivar tratamentos farmacológicos para COVID-19 que não estejam pautados em evidências científicas bem consolidadas.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.