artigos
Convibra Conference - O Impacto Financeiro de Uma Pandemia em Pequenas Empresas
O Impacto Financeiro de Uma Pandemia em Pequenas Empresas

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Finanças

Temas Correlatos: Finanças;

Acessos neste artigo: 80


Certificado de publicação:
Certificado de Dayana Da Silva

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Dayana Da Silva

ABSTRACT
O surgimento de uma pandemia no país desencadeou sérias mudanças sociais e econômicas. As famílias, as instituições e os governos estão enfrentando um inimigo silencioso e devastador. A necessidade de isolamento social e de medidas rigorosas de higiene e cuidados com a proteção e saúde das pessoas, modifica toda estrutura social. A paralisação de escolas, comércios e indústrias desencadeia muitos problemas econômicos. O cenário econômico e político do país, que já enfrentava ajustes para retomada de crescimento, sofre uma nova desaceleração. Embora os reflexos econômicos da pandemia repercutem em empresas de vários setores e tamanho, sabe-se que as pequenas empresas dispõem de poucos recursos, e algumas iniciaram suas atividades a pouco tempo. No intuito de verificar essas mudanças, esse trabalho tem objetivo de analisar os impactos financeiros da pandemia em pequenas empresas.

Palavras-chave: Finanças. Pandemia. Impactos Financeiros.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Gustavo Carlos Alves Di Silva 28-10-2021 00:47:15

A pandemia trouxe reflexos em todas as áreas, em sua maior parte efeitos negativos. A restrição da mobilidade prejudicou as pequenas empresas que, com caixas enxutos, tiveram que fechar as portas e declararem falência ou se submeterem a empréstimos para arcar com a falta de caixa.

Foto do Usuário Vivian Esteves Miranda 28-10-2021 20:18:35

O impacto da pandemia nas pequenas empresas é enorme, pois pode acarretar no fechamento das mesmas . E por se tratar junto com as médias empresas das maiores empregadoras do país, o desemprego deve aumentar consideravelmente e consequentemente a retomada da economia fica abalada.

Foto do Usuário William Aparecido Maciel Da Silva 29-10-2021 14:42:23

Realizar estudo em empresas PME é uma tarefa complexa, principalmente pela qualidade dos dados e complexidade das informações. Diante disso debato, muitas PMEs já estavam em situação econômica-financeira delicada: falta de caixa, divida tributária, uso de recursos da empresa para atender necessidade do(s) sócio(s), uso incorreto do endividamento, antes da pandemia. Como contribuir para gestão e concientização da pequena empresa no período pós-pandemico?

Foto do Usuário Luis Renato Junqueira 31-10-2021 21:33:52

Acho muito importante estudos que envolvem micro e pequenas empresas, pois apesar de serem a maioria em quantidade, recebem menor atenção nos estudos acadêmicos. Por outro lado, a disponibilização e confiabilidade dos dados tendem a ser problemas para os estudos. Na opinião das autoras, os auxílios oferecidos pelo Governo foram suficientes para a manutenção das empresas A e B, considerando o período pós pandemia?

Foto do Usuário Diogo Barros Azevedo 03-11-2021 12:02:30

Primeiramente, gostaria de parabenizar a autora pelo trabalho. Acredito que trabalhos que mostrem como a pandemia pesou sobre a população mundial serão sempre de grande ajuda. O trabalho indica que realiza uma comparação entre os momentos ''pré-pandemia'' e ''pós-pandemia'', o que, ao meu ver, é um erro. Acredito que pandemia não acabou, como pode ver, ainda existem inúmeras restrições que não nos deixam nem perto da realidade em que vivíamos antes do início da pandemia, isso ainda atinge com peso nas empresas, especialmente as menores. Acredito na necessidade de outro trabalho que inclua um período de análise mais longo, vá além de junho de 2020 e que, com certeza, leve em consideração a hiperinflação que estamos vivenciando, não há dúvidas que ela está massacrando as empresas de pequeno e médio porte, que podem não ter capital de giro muito alto e, ademais, não estar em posição de repassar esses aumentos para o consumidor final.

Foto do Usuário Tulio Oliveira Andrade 04-11-2021 23:33:46

O tema não poderia ser mais atual. As mudanças econômicas afetaram de formas diferentes as empresas, com uma das maiores quedas do PIB brasileiro já vistas, as pequenas empresas sofreram, aproximadamente 30% delas tiveram grandes mudanças, e o dobro disso em pontos percentuais, parou o funcionamento durante o período. Aquelas que resistiram, vão sentir os efeitos durante muito tempo, a maioria já não estava bem financeiramente. Por outro lado, o avanço tecnológico que tem um crescimento cada vez maior, foi verdadeiramente um grande aliado dos pequenos negócios, a chamada para o on-line fez a diferença.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.