artigos
Convibra Conference - Práticas de Marketing e Aplicativos de Entrega Utilizados pelas Microempresas Durante a Pandemia Para Sua Sobrevivência
Práticas de Marketing e Aplicativos de Entrega Utilizados pelas Microempresas Durante a Pandemia Para Sua Sobrevivência

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Empreendedorismo e inovação

Temas Correlatos: Empreendedorismo e inovação;

Acessos neste artigo: 108


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Cilene Aragão De França , Eduardo Moraes Correa , Maria José Santana De Oliveira

ABSTRACT
No Brasil a crise causada pela Pandemia do COVID-19 trouxe impacto a toda a população, em se tratando dos aspectos econômicos, empresas de todos os portes foram afetadas, principalmente aquelas que não fazem parte dos serviços considerados essenciais e as microempresas, em virtude principalmente do isolamento social, gerando assim a uma necessidade de adaptação de algumas práticas  para sua sobrevivência, dessa forma o objetivo do presente artigo é: identificar quais são as principais práticas de marketing e de entrega de produtos/serviços utilizadas pelas microempresas, para o alcance de tal objetivo foram realizadas  pesquisas bibliográficas e através de  seus resultados pode-se concluir que as principais práticas de marketing utilizadas pelas microempresas no período da pandemia foram:  uso de redes sociais, com os influenciadores digitais e as vendas por meio do e-commerce, quanto aos aplicativos de delivery mais utilizados pelas empresas, os mais utilizados foram Ifood, Rappy e Uber Eats, As limitações da pesquisa estão voltadas, principalmente, pelos dados terem sidos coletados em meio a pandemia do COVID-19, para pesquisas futuras podem analisar amostras, de empresas em diferentes Estados do País para comprovar o uso de tais práticas pelas microempresas e sua importância para a sobrevivência e continuidade da empresa no período da pandemia.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Júlio Cesar Silva 28-10-2021 10:13:37

Prezados autores, parabéns pelo trabalho apresentado. Com a pandemia, as empresas, principalmente as de pequenos negócios, necessitaram readapta-se à nova realidade, infelizmente, muitas não conseguiram sobreviver. As que se mantiveram ativas criaram diferentes estratégias, como as citadas no estudo realizado por vocês. Com o objetivo de contribuir para o aperfeiçoamento do estudo, deixo minha análise do trabalho: Síntese dos pontos fortes: tema atual e relevante, que retrata um período complicado para as empresas brasileiras, considerando o contexto do país. Foram apresentadas pesquisas recentes, bem com referencial teórico atualizado. A escrita foi conduzida de forma a tornar a leitura agradável. Síntese dos pontos fracos: recomendo uma revisão ortográfica, principalmente em relação à pontuação, o que pode prejudicar o entendimento de determinadas passagens. Outro ponto que merece atenção refere-se à elaboração de referências e à citação de autores. Nas referências, é necessário rever a forma de apresentação, além de atentar-se para o fato de que há autores citados e que não estão presentes no texto, bem como referências duplicadas. Quanto à citação, rever a forma de indicar a autoria fora e entre parênteses. Essa citação é uniforme. Recomendo consultar a NBR 6023 (referências) e NBR 10520 (citação). O resumo precisa passar por uma revisão ortográfica, pois representa o primeiro contato do leitor com o artigo. Na página 03, parágrafo 03, há uma passagem que cita mudanças no comportamento do consumidor. Quais seriam essas mudanças? Seria interessante trazê-las para a discussão, uma vez que tais mudanças podem influenciar as estratégias das empresas. Na figura 1, página 04, o que representa o gráfico? As barras de cores diferentes são relativas à que informação? Tipos de empresas? Regiões do país? Na metodologia, quais descritores foram adotados para realizar a busca nas bases de dados? É informado que a pesquisa documental foi efetuada em bases de dados, contudo, ao longo do texto, são citadas informações/dados oriundos de blogs e jornais. Assim, seria importante incluir essas fontes na descrição da metodologia. Nas limitações do estudo, cita-se a dificuldade de coleta de dados devido à pandemia. Neste caso, essa não seria uma limitação para um estudo de revisão bibliográfica, visto que as informações são obtidas de forma on-line. Uma limitação seria a existência de poucos estudos sobre o tema, embora seja necessário considerar que se trata de uma temática recente e, portanto, com poucos trabalhos realizados. Espero contribuir com o trabalho e vê-lo brevemente publicado em uma revista, dado o seu potencial. Atenciosamente, Júlio Cesar

parabéns, tema super importante para o momento atual. Com base nos achados da pesquisa, quais são as melhores práticas de uso dos aplicativos de entrega para as microempresas, de forma que a utilização dos aplicativos sejam incorporadas as estratégias dessas organizações?

Foto do Usuário Isadora Aparecida Silva 17-11-2021 13:08:16

Inicialmente meus parabéns pelo trabalho apresentado. O tema retratado pela pesquisa é muito necessário devido aos momentos que se passaram e que os empreendedores ainda irão passar por causa dos impactos econômicos oriundos da pandemia. A pesquisa enfatizou mais uma vez o quanto o processo de digitalização foi importante para a sobrevivência das empresas, digitalização o qual sem a pandemia se esperava acontecer em um longo período de tempo. Porém a pandemia forçou os empreendedores se adaptarem a essa nova realidade rapidamente. Os empreendedores tem que investir cada vez mais em tecnologia, já que esse processo não vai voltar para trás, pelo contrário vai avançar cada vez mais. As pessoas se acostumaram muito bem a essa nova realidade, trazendo mais comodidade e conforto a suas compras. Então os empreendedores tem que atender a procura e expectativa de seus clientes se não vão se tornar obsoletos. Sugiro para o presente estudo que seja feita uma revisão ortográfica e pontual, pelo fato de que em alguns trechos está difícil a compreensão. A forma como estão sendo citados os autores dentro do trabalho também precisa ser verificada. Enfim, essas são minhas considerações e espero contribuir para a melhoria do trabalho.

Foto do Usuário Lucas Da Silva Melo 23-11-2021 16:27:00

Aos autores, parabéns pelo excelente trabalho! Depois de 2020, acredito que todas as empresas mudaram sim a forma de gerir e segmentar o marketing e entrega dos seus serviços e produtos. Com a pandemia gerada pelo COVID-19, a amplitude de ideias para inovação foi maior, porém muitas empresas que não acompanharam essas mudanças tiveram as portas fechadas. Sendo de total valia o trabalho que vocês produziram, somando bastante com a atual situação econômica não só do país, mas de todo planeta. O próprio ambiente de redes sociais tornou-se ferramenta de e-commerce, por mais que seja um mensageiro instantâneo. Aplicativos de entrega e motoboys informais, foram adaptados e fortalecidos com essa nova “era” de venda e prestação de serviços. O que resulta que mesmo após a pandemia, muitas empresas continuarão oferecendo o delivery, a retirada no local. O que facilita e aumenta as vendas dessas empresas, seja de porte grande ou pequeno. O parágrafo 03, na página 03 foi apontada mudanças no comportamento do consumidor, seria válido aprofundar um pouco mais nessas mudanças que levaram em tempos tão difíceis consumir de forma diferente os produtos ofertados pelas empresas.

Parabéns aos autores pela escolha da temática. O uso de aplicativos como suporte às vendas cresceu de modo exponencial durante a pandemia da Covid 19, sendo um fenômeno que merece ser aprofundado. O processo de digitalização das microempresas é necessário para que continuem competitivas. Entretanto, a dependência excessiva dos aplicativos pode reduzir a margem de lucro dos empreendedores, sendo esta uma outra questão a ser explorada nesse riquíssimo tema.

Foto do Usuário Wilson Chagas Gouveia 30-11-2021 14:29:10

Parabéns a Maria José, ao Eduardo e a Cilene pela pesquisa. Cilene minha pergunta é qual o sentimento de vocês para um possível cenário de pós-pandemia, as empresas deverão focar mais no comercio online, ou buscarão o necessário equilíbrio do offline e online caminhando juntos, lado a lado, e praticando condições rigorosamente alinhadas no atendimento de mercado em todos os pontos de contato com o cliente?

Foto do Usuário Gilson Irineu De Oliveira Junior 01-12-2021 17:53:39

Tema muito relevante em termos da saúde das empresas bem como em termos de segurança alimentar, a qual deve ser considerada sempre que são considerados aspectos relacionados a alimentos, em especial em cenário de pandemia e sobrecarga do trabalho.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.