artigos
Convibra Conference - Produtivismo Acadêmico como Vírus: Analisando Processos Sociais de Influência
Produtivismo Acadêmico como Vírus: Analisando Processos Sociais de Influência

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Ensino e Pesquisa em Administração

Acessos neste artigo: 27


Certificado de publicação:
Certificado de Ely Severiano Junior

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Ely Severiano Junior , Diego De Oliveira Da Cunha

ABSTRACT
O objetivo deste artigo é identificar como o grau de imersão em processos sociais de influência pode aumentar o produtivismo acadêmico em pesquisadores da área de Administração. A pesquisa tem natureza qualitativa e quantitativa, pois durante a pesquisa foram extraídos dados da plataforma lattes, e também dados através de entrevistas com pesquisadores que fazem parte dos programas de pós-graduação que possuem nota 5, 6 ou 7 na avaliação CAPES, situados nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul, visando identificar o grau de imersão em processos sociais de influência. Observou-se que os programas que possuem alta produção de artigos influenciam os seus pesquisadores a terem uma produção compatível com a do programa. Além disso, nota-se que ao início de um triênio ou quadriênio, os pesquisadores tendem a realizar uma produção em maior volume devido ao modelo de avaliação proposto pela CAPES, e que rede de colaboração aumenta o número de produção individual de pesquisadores, uma vez que dos 453 pesquisadores, 416 já produziram material em conjunto. Por fim, recomenda-se que para futuras pesquisas seja analisado como a influência social exercida sobre um determinado orientando, pode influenciar no volume de produção exercida durante um determinado período.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Alex Ander De Souza Orengo 09-02-2021 12:50:35

Prezados Pesquisadores, parabéns pela pesquisa. Ela é extremamente bem conduzida, bem recortada e vai levando o leitor pelos caminhos e hipóteses aventados até o desfecho das conclusões. Tudo isso feito de forma didática, sem os academicismos costumeiros e evidentemente desnecessários. Os dados são bem explorados e postos de frente para as hipóteses, analisadas a partir daí. A abordagem é isenta e toca em um tema sensível aos acadêmicos, mas não deixa de problematizá-lo mesmo no distanciamento. Um tema importante principalmente neste período que se apresenta de mudanças nestas avaliações abordadas pelo artigo. Questionamento: as hipóteses se verificam tanto, e da mesma forma, para instituições privadas quanto públicas? Parabéns, sucesso e muita saúde!

Foto do Usuário Emille Marques Melo 09-02-2021 12:50:35

Abordagem processual, afim de torna a explicação acerca da temática mais estruturada e esclarecedora. A divisão feita sobre os tipos de produtivismo, tornou a leitura mais assertiva.Duvida, existe algum tipo de distinção referente a volume e qualidade, entre instituições privadas e publicas? Parabéns pelo trabalho!