artigos
Convibra Conference - ANÁLISE DO NÍVEL DE ADERÊNCIA DE DISCLOSURE DE ATIVOS IMOBILIZADOS (CPC 27) NAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE UTILIDADE PÚBLICA LISTADAS NA B3.
ANÁLISE DO NÍVEL DE ADERÊNCIA DE DISCLOSURE DE ATIVOS IMOBILIZADOS (CPC 27) NAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE UTILIDADE PÚBLICA LISTADAS NA B3.

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Contabilidade

Acessos neste artigo: 18


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Carlos Adriano Santos Gomes Gordiano , Thiago Soares Alves , Roberta Carvalho De Alencar , Cíntia De Almeida

ABSTRACT
O processo de evidenciação contábil constitui elemento básico para redução de assimetria informacional e auxilio dos diversos usuários, sobretudo externos, na tomada de decisões, e isso explica a maior pressão por disclosure âmbito da convergência das normas de contabilidade para um padrão internacional, uma vez que os stakehoders necessitam de conhecimentos relativos a diversos elementos patrimoniais e de resultados, tais como os imobilizados, objeto de interesse dessa pesquisa. Utilizando a base de dados das empresas de capital aberto, do setor de Utilidade Pública (energia elétrica, água e saneamento e gás) listadas pela B3, o objetivo deste estudo é avaliar o nível de aderência das empresas do setor aos requisitos de evidenciação estabelecidos pelo Pronunciamento CPC 27 referente aos seus ativos imobilizados, no decorrer dos exercícios financeiros de 2014 a 2018. A pesquisa descritiva, possui caráter quantitativo-qualitativo, procedimento documental, recorrendo a um checklist, baseado no CPC 27, contendo 20 itens para a coleta de dados quantitativos binários. Efetuou-se também teste de correlação para a comparação proporcional do total dos ativos imobilizados das empresas com o nível de informações divulgadas. Dentre os resultados encontrados observou-se que as empresas do setor de utilidade pública, apesar do alto desvio entre alguns subsetores mantiveram um elevado índice de evidenciação em relação aos indicadores estudados.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Ahmed Sameer El Khatib 09-02-2021 12:50:35

Como sugestão aos autores e já pensando em futuras publicações: 1) Deixar de forma mais clara os objetivos do trabalho na introdução. 2) Deixar mais evidente o método utilizado e sua justificativa. 3) Atentar-se para as normas técnicas de formatação (ABNT ou APA). No mais, o artigo está muito bem redigido e preenche lacuna importante na literatura acadêmica.

É um tema relevante para a academia, o texto está muito bem redigido, sugiro no referencial teórico atualizar os autores, pois é um tema importante. Interessante resumir as empresas estudadas dentro do referencial. Atentar aos objetivos. Sugestão, dentro do CPC 27 especificar todas as tratativas para estruturar um referencial teórico com peso que infuenciará na discussão dos resultados e na conclusão.

Foto do Usuário João Pedro Cabral Farache 09-02-2021 12:50:35

Artigo de uma escrita direta e de ótima compreensão, com informações claras e relevantes, dado o anseio crescente de informação de qualidade por agentes internos e externos da contabilidade, investigando e abordando um tema que ainda possui lacunas, como o CPC 27, além de contribuir com o entendimento da teoria da divulgação, do próprio CPC 27 e cumprir os objetivos propostos.

Foto do Usuário Annandy Raquel Pereira Da Silva 09-02-2021 12:50:35

Trabalho muito bem escrito e relevante, parabéns aos autores.