artigos
Convibra Conference - Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos: uma análise do Brasil e dos Países da União Europeia
Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos: uma análise do Brasil e dos Países da União Europeia

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Administração Ambiental

Acessos neste artigo: 23


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Débora Dos Santos Knopf , David Lorenzi Junior

ABSTRACT
A gestão de resíduos sólidos é um tema cada vez mais discutido, tanto em países mais desenvolvidos como naqueles ainda em desenvolvimento. Todavia, geralmente os países mais ricos com maior capacidade de infraestrutura e tecnologia disponível possuem mais condições e opções para realizar a gestão dos resíduos sólidos. Portanto, o presente artigo tem como objetivo principal identificar a gestão dos resíduos sólidos urbanos praticados no Brasil em contrapartida aos praticados nos países da União Europeia, que por sua vez, são referência no assunto. Além disso, o estudo objetiva a identificação de boas práticas entre os países analisados de modo a contribuir para possíveis tomadas de decisões ou como forma de subsídio na criação de políticas públicas. Para isso, foi realizado uma revisão sistemática na literatura brasileira e internacional, juntamente com dados abertos publicados pelas organizações responsáveis pelas informações estatísticas acerca da gestão dos resíduos. Por fim, ao analisar os dois cenários identificou-se que mesmo tratando-se de países diferentes, ambos possuem desafios semelhantes na gestão dos resíduos, contudo, a União Europeia, é considerada um bom exemplo a ser seguido, principalmente no que se refere as suas ações estratégicas e as suas metas para o desenvolvimento sustentável.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Ana Keuly Luz Bezerra 09-02-2021 12:50:35

O estudo é bem redigido, apresenta temática de grande relevância no cenário nacional, objetivos e métodos apropriados para atingi-lo. No enfrentamento do tema, faz uma fundamentação teórica atualizada e contextualizada, que contribui para o entendimento dos resultados apresentados. Na seção de dicussão, consegue fazer a comparação entre a gestão dos resíduos sólidos no Brasil e na União Europeia da forma que foi proposto, extraindo as principais destaques da gestão em cada país, finaliza o texto de forma concisa e ressaltando os principais resultados encontrados, que se constituem na contribuição científica do estudo realizado.

Foto do Usuário Gisele Victor Batista 09-02-2021 12:50:35

O texto é bem escrito e com ideias bem articuladas. Os dados quantitativos são atualizados e os conceitos são coerentes com a discussão do tema. Um questionamento que fica é se a grande procura de empresas europeias para implantação de usinas de tratamento de resíduos sólidos em países em desenvolvimento, está atrelada à alta destinação dos mesmos, em países desenvolvidos, para a reciclagem. Parabéns aos autores pelo trabalho!

Foto do Usuário Daniel Teixeira Camillo 09-02-2021 12:50:35

Tema altamente relevante no cenário mundial das políticas de resíduos. Artigo bem estruturado, com detalhamento dos indicadores, mapeamento correto e atual da gestão de resíduos conforme a proposta. Estudo que subsidia futuras pesquisas e possibilidades de inovação na gestão de residuos sólidos. Parabéns!

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.