artigos
Convibra Conference - Educação permanente: uma estratégia para a qualidade da assistência
Educação permanente: uma estratégia para a qualidade da assistência

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Educação, formação e treinamento em saúde

Acessos neste artigo: 29


Certificado de publicação:
Certificado de Marina Dayrell de Oliveira Lima
Certificado de Mariane da Costa Moura
Certificado de Marco Aurélio de Sousa

Certificado de participação:
Certificado de Marina Dayrell de Oliveira Lima

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Marina Dayrell De Oliveira Lima , Mariane Da Costa Moura , Marco Aurélio De Sousa , Karla Rona Da Silva

ABSTRACT
Introdução: a educação permanente se configura como uma proposta para atualização e aprimoramento profissional que contribui significativamente para a melhoria da qualidade das práticas assistenciais desenvolvidas nos serviços de saúde. Objetivo: descrever as contribuições da educação permanente para a melhoria da qualidade das práticas assistenciais desenvolvidas nos serviços de saúde. Metodologia: revisão integrativa da literatura, de caráter qualitativo e exploratório, constituída principalmente por artigos científicos e livros. Resultados e discussão: com o intuito de garantir melhor desempenho na assistência, as instituições de saúde vêm investindo progressivamente em programas de educação permanente, considerando que a ciência aliada ao conhecimento teórico-prático passa por inovações rápidas, frequentes e constantes, avaliando a realidade e as necessidades peculiares dos profissionais e das instituições. Conclusão: é necessário ponderar a melhor maneira de aplicar a educação permanente, estimulando os sujeitos envolvidos a compreenderem a importância desta prática para o aprimoramento do seu potencial, (re)significando a qualidade no cuidado.

Palavras-chave: Educação permanente. Gestão da qualidade em saúde. Educação em saúde. Qualidade da assistência à saúde.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

Artigo bem escrito, tema atual e relevante. Literatura atual.

Foto do Usuário Roselane Cristina Passos 09-02-2021 12:50:35

A educação permanente é uma importante ferramenta que visa capacitar e desenvolver os profissionais de saúde para alcançar a qualidade assistencial. Como as instituições podem promover esta educação permanente em saúde, levando-se em conta a redução de quantitativo de RH na área da saúde?

Foto do Usuário Maíra Moreira Peixoto Coelho 09-02-2021 12:50:35

Tema de grande relevância para a saúde coletiva! Trabalho bem escrito e fundamentado! Parabéns aos autores!

Foto do Usuário Pietra Fraga Do Prado 09-02-2021 12:50:35

Tema bastante relevante, com ótima descrição da metodologia e resultados.

Foto do Usuário Telma Pelaes De Carvalho 09-02-2021 12:50:35

O trabalho se torna importante por trazer questões do processo educativo para os profissionais de saúde Reforçando a sua importância no ambiente de cuidado

Estudo necessita de maior aprofundamento teórico metodológico.

Foto do Usuário Ana Maria Gomes Dos Santos 09-02-2021 12:50:35

Parabéns pelo trabalho. Tema bastante relevante para melhoria do processo de trabalho dos profissionais, assim uma melhor assistência aos usuários.

Foto do Usuário Eduardo Guadanin 09-02-2021 12:50:35

As autoras poderiam ter aprofundado a análise dos artigos a partir de autores de referência na educação permanente com Ricardo Burg Ceccim, Emerson Elias Merhy e Laura Camargo Macruz Feuerwerker.

Foto do Usuário Cheila Pires Raquel 09-02-2021 12:50:35

A capacitação dos profissionais de saúde para o uso das novas tecnologias é fundamental no processo de educação permanente.

Foto do Usuário Joseane Stahl Silveira 09-02-2021 12:50:35

Tema atual e relevante para educação na saúde. Boa pesquisa bibliográfica realizada. Como avaliar os resultados da Educação Permanente na prática assistencial?

Foto do Usuário Mariana Cabral Da Rocha 09-02-2021 12:50:35

Tema atual e de grande relevância para a qualificação em saúde, os anseios e dificuldades vividos por profissionais de saúde foram bem explorados e evidenciam mudanças necessárias na gestão do cuidado.

Foto do Usuário Angelica Ilher 09-02-2021 12:50:35

Trabalho tem bastante referencial, embora alguns pesquisadores da EPS não tenham sido citados. Os 15 artigos analisados poderiam ser mais explorados na discussão. Também nas considerações finais os artigos analisados não figuraram. Com relação ao objetivo definido no trabalho: as considerações finais trazem as contribuições da educação permanente porém de forma geral, não contemplando a segunda parte do objetivo, que se refere às práticas assistenciais desenvolvidas nos serviços de saúde, conforme os artigos analisados.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.