artigos
Convibra Conference - ENRIQUECIMENTO AMBIENTAL NA CRIAÇÃO DE OVINOS DA RAÇA DORPER EM CONFINAMENTO
ENRIQUECIMENTO AMBIENTAL NA CRIAÇÃO DE OVINOS DA RAÇA DORPER EM CONFINAMENTO

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Medicina Veterinária

Acessos neste artigo: 63


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

ABSTRACT
No Brasil, a criação de ovinos estende-se por quase todo o país, sendo a Bahia e o Rio Grande do Sul, os maiores criadores. As ovelhas são animais gregários, que apresentam o hábito de viverem agrupados. A espécie ovina é uma raça privilegiada devido a sua diversidade de produção e a sua adaptação a diferentes condições climáticas. O presente estudo realizou-se na localidade de Souza Ramos no município de Getúlio Vargas, estado do Rio Grande do Sul. O presente trabalho teve como objetivo descrever o processo de enriquecimento ambiental com ovinos utilizando ferramentas para possibilitar o bem-estar animal em locais onde o espaço é delimitado, bem como o desafio físico e mental. Os resultados encontrados foram de alta queda no número de ócios deitado e aumento da exploração do ambiente decorrente das ferramentas de enriquecimento inseridas no confinamento, as quais tem grande auxílio para a melhoria da qualidade de vida dos animais.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Andresa Pereira Da Silva 09-02-2021 09:50:35

Artigo relevante. A título de informação deve -se adicionar no trabalho as instituições dos respectivos autores e contato de e-mail.

Foto do Usuário Alexandre Antonio Pasqualini 09-02-2021 09:50:35

Creio que o tema seria melhor direcionado para Cabanhas e não confinamentos, mas auxilia sim na finalidade comercial.

Foto do Usuário Amanda Corvino Valim 09-02-2021 09:50:35

Tema super relevante. Achei os gráficos um pouco confusos; talvez o formato utilizado não seja o melhor para facilitar a visualização.

Muito interessante a escolha do tema deste trabalho. Eu não estou na prática de pequenos ruminantes mas fiquei instigada a ler. O artigo foi bastante objetivo, com uma leitura direta, porém por vezes confusa. Parabéns!

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.