Níveis De Sombreamento E Silicato De Potássio Influenciam O Crescimento De Mudas De Alibertia Edulis Rich?

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Fisiologia

Acessos neste artigo: 9


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível
AUTORIA

Cleberton Correia Santos , Silvana De Paula Quinto Scalon

ABSTRACT
Alibertia edulis (Rich) A. Rich (marmelo-do-cerrado, Rubiaceae) é uma espécie arbórea e frutífera, encontrada no Cerrado e apresenta diversos usos. No entanto, o estresse abiótico por baixa ou alta disponibilidade luminosa pode acarretar em danos ao crescimento das mudas dessa espécie. O silício, na forma de silicatos, tem contribuído na tolerância das plantas as condições adversas. Para a A. edulis não há estudos associando esse elemento ao estresse luminoso. Objetivou-se avaliar o efeito do silicato de potássio no crescimento de mudas de A. edulis sob diferentes disponibilidades luminosas. O experimento foi realizado em vasos plásticos, testando quatro doses de silício (silicato de potássio – K2SiO3) via pulverização foliar: 0,0; 2,5; 5,0 e 10,0 mL L-1, dispostos sob três disponibilidades luminosas baseando-se nos níveis de sombreamento de 0% (pleno sol), 30% e 70%. As avaliações foram realizadas aos 60 dias após o transplantio. O cultivo à pleno sol e 70% foram estressantes para essa espécie. As maiores características de crescimento ocorreram em mudas cultivadas sob 30% de sombra. As mudas sob 70% de sombra são pouco responsivas ao K2SiO3 e apresentam menor crescimento e produção de biomassa. A aplicação de 10,0 e 4,70 mL L-1 promoveu incremento da área foliar e comprimento de raiz, respectivamente. O uso do K2SiO3 na dose de 10,0 mL L-1 mitigou os efeitos negativos do estresse luminoso do pleno sol e contribui na obtenção de mudas de A. edulis de elevada qualidade em ambiente com alta e moderada disponibilidade luminosa.

Para participar do debate desse artigo, .


Comentários
Foto do Usuário Marcio Santos Da Silva 19-04-2021 00:51:56

Prezado autor, gostaria de saber por que o ambiente de 30% de sombreamento contribuiu mais na manutenção da área foliar do que o ambiente de 70%? e qual a influencia da energia luminosa sobre esses dois ambientes? De acordo com seus resultados o silicato de potássio é viável para a produção de mudas de espécies arbóreas?