Potencial de estimativa de carbono da serapilheira, plantas não arbóreas, solo e madeira morta nos SAFs biodiversos e cabruca

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Sustentabilidade ambiental

Acessos neste artigo: 5


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE SEU TRABALHO

AUTORIA

Cinira De Araújo Farias Fernandes

ABSTRACT
A pesquisa foi realizado na região cacaueira da Bahia, nos municípios de Uruçuca, Ibirapitanga e Piraí do Norte, com o objetivo de aprofundar estudos relacionados a estimativa de estoque de carbono (EC) em sistema agroflorestais biodiversos e cabruca de cacau, com vistas a consolidar estes sistemas como promotores de serviço ambiental carbono, contribuindo para a mitigação dos efeitos das mudanças climáticas, e avaliar o potencial de estoque de carbono nestes diferentes desenhos existentes. Para isso a metodologia utilizada implantou vintes parcelas, dez em SAF biodiverso e dez em SAF cabruca de cacau, nos quais através do método indireto, realizou-se a estimativa de biomassa e carbono nos compartimentos (plantas não arbóreas, serapilheira, madeira morta e solos) dos sistemas. Os resultados encontrados apresentaram o potencial de estoque de carbono dos compartimentos e mostrou a importância destes sistemas como mitigação e adaptação a mudanças climáticas.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Luis Eduardo Bocalete 15-04-2021 23:13:49

Parabéns pela forma de abordar o conteúdo. A informação contida no resumo contribuiu para meu crescimento educacional em torno do assunto.