AÇÕES REALIZADAS POR ENFERMEIROS DA ATENÇÃO BÁSICA PARA PREVENÇÃO DE DOENÇAS CARDIOVASCULARES

Temas: Modelo de Atenção Básica em Saúde


Certificados:
Não disponível

Acessos nesse artigo: 1


AUTORIA

Carla Taís Barbosa Pereira , Camila Benedita Bezerra , Felipe Eufrosino De Alencar Rodrigues , José Lúcio De Souza Macedo , Cintia De Lima Garcia

ABSTRACT
As doenças cardiovasculares se tornaram um grande problema de saúde pública e que
há muito tempo ocupa um lugar de destaque entre as causas de obtido e incapacidade. As
doenças crônicas constituem 80% das consultas realizadas na atenção básica de saúde, sendo
a maioria delas efetuadas pelos enfermeiros do serviço. Diante da alta mortalidade associada
as DCV, torna-se relevante analisar as ações realizadas por enfermeiros para prevenção de
Doenças Cardiovasculares na Atenção Básica de Saúde. Trata-se de uma pesquisa descritiva
com abordagem qualitativa, realizado enfermeiros atuantes na Estratégia de saúde da família,
a partir de entrevista semiestruturada. Os dados foram analisados de acordo com a técnica de
Bardin. O estudo contou com a participação de 8 enfermeiros, 7 do sexo feminino e 1 do sexo
masculino, compreendendo uma faixa etária entre 37 e 58 anos, com período de atuação
superior a 4 anos. No estudo foi possível identificar que as ações desenvolvidas pelos
enfermeiros na atenção básica não possuem um fluxo regular na sua realização, e as
metodologias utilizadas se baseiam em palestras realizadas na unidade de saúde, tendo a
educação em saúde como principal ferramenta. Entretanto, apresentou-se dificuldade de
desenvolver e implementar estratégias eficazes, uma vez que o sucesso dessas ações depende
da participação da comunidade, essas dificuldades interferem na qualidade das atividades de
promoção e prevenção. Dessa forma pôde-se concluir que há a necessidade de elaboração de
novas estratégias e ferramentas para a prevenção desses agravos, visto que as palestras orais
adotadas como principal ferramenta se mostram pouco eficazes, deixando lacunas no que se
refere a assistência preventiva o que corrobora no surgimento de casos novos, falta de adesão
dos usuários e o elevado número de internações.
Palavras-chave: Doenças Cardiovasculares. Prevenção. Atenção Primária à saúde.

Para participar do debate desse artigo, .


Comentários

O contexto abordado se faz presente entre os agravos de saúde que mais acometem a população . O resumo está adequado, as palavras-chave estão nos descritores de Ciências da Saúde. Os resultados respondem aos objetivos propostos. A metodologia teve um delineamento bem estruturado embasado em estudiosos da análise qualitativa. As referencias consultadas são em numero expressivo e a formatação está adequada.

Foto do Usuário Vanessa Augusta Souza Braga 09-02-2021 12:50:35

A temática abordada pelo artigo é atual e relevante, especialmente pela elevada carga de morbimortalidade ocasionada pelas Doenças Cardiovasculares na população.

É muito bem escrito, foi uma leitura enriquecedora e fluida.

Foto do Usuário Daniele Machado Pereira Rocha 09-02-2021 12:50:35

Artigo completo e explicativo; sugiro acrescentar um pouco mais de conteúdo sobre promoção da saúde relacionada a DCNT.

Artigo com boa compreensão e assunto relevante para a atenção básica.

Foto do Usuário Andreia Devislanne Ribeiro 09-02-2021 12:50:35

Artigo completo e explicativo; E interessante incluir nos resultados como promoção da saúde relacionada a DCNT, pode contribuir na mudança no estilo de vida.

Foto do Usuário Elaine Santos Aguiar 09-02-2021 12:50:35

Tema muito importante e muito necessário. As doenças cardiovasculares estão desde sempre na atenção primária, lá é possível prevenir e detectar. Muito bom!

Foto do Usuário Gabriella Ferreira Quaranta 09-02-2021 12:50:35

Tema bastante interessante e pertinente! Excelente trabalho! Abordaram o tema de forma clara e coesa.

Foto do Usuário Deise Ferreira De Souza 09-02-2021 12:50:35

O trabalho aborda tema de relevância para a saúde da população e faz uma análise das ações realizadas pelos enfermeiros que atuam na Estratégia de Saúde da Família, junto aos pacientes na prevenção de Doenças Cardiovasculares, a fim de minimizar índice de comorbidades e mortalidade. A abordagem metodológica é de caráter qualitativo e atende ao objetivo proposto e às questões éticas. Os resultados respondem a proposição do estudo e destaca a necessidade de implementação de estratégias mais eficazes que possam prevenir agravos e novos casos e que também favoreça a adesão dos usuários às ações de saúde, reduzindo custos e número de internações, além de qualificar o trabalho do enfermeiro na atenção básica. As referências são atuais e as palavras-chaves correspondem aos descritores do campo da saúde.

Foto do Usuário Analu Sousa De Oliveira 09-02-2021 12:50:35

Produção relevante, foi uma leitura muito importante.