REPERCUSSÃO DA COVID-19 NA PRESERVAÇÃO AMBIENTAL: REFLEXÕES ONLINE COM ALUNOS DA GRADUAÇÃO

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Evidências científicas e relatos de experiência sobre Covid-19

Acessos neste artigo: 6


Certificado de publicação:
Certificado de Elaine Alves

COMPARTILHE SEU TRABALHO

AUTORIA

Elma Mathias Dessunti , Karine Feitosa Ferreira Da Silva , Déborah Lima De Mello , Elaine Alves , Bruna Nayara Alves De Oliveira , Stephany Ribeiro Da Silva

ABSTRACT
INTRODUÇÃO: Em 2020 uma nova zoonose, a Covid 19, se oficializou como Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional. A análise clínica e dos determinantes sociais e éticos relacionados a esta zoonose passou a ser essencial para a compreensão desta complexa relação. Assim sendo, docentes do curso de graduação em Enfermagem da Universidade Estadual de Londrina (UEL), implementaram um projeto de estudo para reflexão e análise de conhecimentos teóricos sobre aspectos técnicos e éticos relacionados a Covid 19. Um dos temas selecionados para estudo foi a repercussão da Covid 19 nos rumos da preservação ambiental. O OBJETIVO desse trabalho é relatar a experiência das análises do impacto da COVID-19 nos debates a respeito da preservação ambiental. METODOLOGIA: Foram aplicadas metodologias ativas a partir de problematizações como estratégia de ensino-aprendizagem. Participaram das atividades 30 estudantes da primeira  série do curso de graduação de Enfermagem da UEL. Devido a necessidade de isolamento social, também foi utilizado o ensino remoto emergencial por meio das plataformas Zoom e Google meet. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Os depoimentos dos participantes evidenciaram que as discussões contribuíram para a compreensão da relação de zoonoses com as intervenções humanas sobre o meio ambiente. Houve avaliações positivas também em relação as demais análises com relação da repercussão positiva da quarentena na redução da poluição hídrica, atmosférica e sonora. Outro item relevante foi a análise a respeito do aumento da produção de lixo, especialmente o lixo hospitalar. O tratamento correto do lixo, bem como descarte correto do lixo de paciente infectados e em isolamento foi alvo de intensa discussão. Além dos aspectos abordados, as discussões acerca dos impactos da Covid-19 no meio ambiente impõem a análise de respostas e intervenções que levem em conta a necessidade de profundas mudanças no sistema socioeconômico, e nos modos de produção e consumo em diversas áreas. Dessa forma, a reconstrução de políticas púbicas se torna imprescindível para viabilizar soluções estruturais e de longo prazo que fomentem a igualdade, a coesão e a justiça social. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Os aprendizados incluíram a elucidação dos impactos positivos e negativos da pandemia na poluição hídrica, sonora e poluição atmosférica, bem como sobre a problemática do lixo. Elementos sociais, econômicos e políticos relacionados a epidemias e zoonoses ainda precisam de aprofundamentos, mas as novas atividades preveem a revisão de tais elementos. O projeto além de atingir seu objetivo, demonstrou que, o contato com a realidade e a análise dos problemas de forma dialogada e crítica se mostrou um caminho positivo para novas aprendizagens mesmo através de atividades remotas a distância.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

O interessante trabalho apresenta relevância e inovação com uma abordagem ampliada sobre repercussão da COVID-19 numa analise de alunos de graduação. E evidencia a compreensão deste perfil acadêmico na relação de zoonoses com as intervenções humanas sobre o meio ambiente, e o aumento da produção de resíduos sólidos, especialmente os resíduos de serviços de saúde, nesta crise sanitária global por SARS-COV-2.

Foto do Usuário Letícia Peret Antunes Hardt 09-02-2021 12:50:35

O tema do trabalho assume importância internacional e sua discussão no âmbito da graduação amplia a sua relevância. Por sua vez, a abordagem é mais dirigida, em termos conceituais, à proteção do meio ambiente do que à preservação ambiental propriamente dita.