Estruturação do Processo de Enfermagem em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal na perspectiva da construção da identidade profissional

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Educação, formação e treinamento em saúde

Acessos neste artigo: 4


Certificado de publicação:
Certificado de LEIDIANE MOREIRA ALVES

Certificado de participação:
Certificado de LEIDIANE MOREIRA ALVES

AUTORIA

Leidiane Moreira Alves , Maria Lúcia Silva Servo , Deybson Borba De Almeida

ABSTRACT
Projeto de intervenção elaborado como produto do Mestrado Profissional em Enfermagem da Universidade Estadual de Feira de Santana. Fundamentado nos resultados da pesquisa da dissertação intitulada Implicações do processo de enfermagem na construção da identidade profissional da enfermeira. O qual tem como objetivos: reestruturar o processo de enfermagem na unidade de terapia intensiva neonatal, a partir de um grupo de trabalho, com representação de trabalhadores, gestores e das entidades organizativas, de caráter permanente e sistemático, tendo como subsídio científico uma ou a várias teorias de Enfermagem. Apresentando como imagem-objetivo instituir o processo de enfermagem como dispositivo de qualificação do cuidado, valorização e empoderamento profissional, através da reconstrução/manutenção da identidade profissional da Enfermeira e da equipe de Enfermagem. Serão utilizadas metodologias ativas de aprendizagem significativa, permeadas pela andragogia, através de oficinas, grupos temáticos e construção do conhecimento fundado no método de problematização de Paulo Freire. A proposta inicial é aplicá-lo como projeto piloto em um hospital público na cidade de Vitória da Conquista-BA, cujo público alvo são gestores, enfermeiras e técnicas de Enfermagem que atuam na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal. Posteriormente, o projeto assumirá a concepção de caravana itinerante expandindo para as regiões de saúde do estado da Bahia. Os resultados esperados incluem efetivação e valorização do processo de Enfermagem como instrumento norteador da assistência; fortalecimento e visibilidade da profissão no âmbito institucional; profissionais atuando de forma crítica e reflexiva; trabalhadores de Enfermagem cônscios do seu processo identitário e da sua importância no processo de trabalho em saúde.

Para participar do debate desse artigo, .


Comentários
Foto do Usuário Beatriz Poddis Busquim E Silva 09-02-2021 12:50:35

A discussão é interessante e agrega valor às ferramentas disponíveis para a atuação da enfermagem em qualquer campo de trabalho. Seria interessante poder estender a intervenção a outros setores de hospitais ou até a outros hospitais.

Foto do Usuário Andreia Devislanne Ribeiro 09-02-2021 12:50:35

Artigo demonstra de maneira clara o uso da metodologia ativas no processo de trabalho da enfermagem. uma contribuição de grande valia para a gestão quanto a organização do processo de trabalho. Parabéns !!!

Foto do Usuário Miguel De Araújo Vilela 09-02-2021 12:50:35

Muito bom observar a aplicação do PE dentro de uma UTI neonatal, além de implementar uma ferramenta ótima, cria um método mais perto da realidade do local.