Liderança de enfermagem em tempos de COVID-19: uma revisão narrativa de literatura

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Educação Física, Nutrição, Fisioterapia e áreas afins na Gestão, Educação e Promoção da Saúde

Acessos neste artigo: 6


Certificado de publicação:
Certificado de Chennyfer Dobbins Abi Rached
Certificado de Renato Barbosa Japiassu

Certificado de participação:
Certificado de Renato Barbosa Japiassu

COMPARTILHE SEU TRABALHO

AUTORIA

Renato Barbosa Japiassu , Chennyfer Dobbins Abi Rached

ABSTRACT
Introdução: O início da década de 2020 ficou marcado pela pandemia do novo coronavírus, que provoca a síndrome respiratória aguda grave, designado por SARS-CoV-2. Diante desse cenário, os gestores estaduais e municipais por todo o país não têm medido esforços para garantir a plena funcionalidade das suas redes de saúde, implementando, quase diariamente, medidas de enfrentamento à pandemia. Objetivo: analisar a produção científica sobre a importância da liderança dos enfermeiros em tempos da pandemia de SARS-CoV-2. Metodologia: é uma revisão narrativa de literatura. Resultados e discussão: O patógeno dessa nova pneumonia pertence ao gênero coronavírus, e as partículas são redondas ou ovais, geralmente polimórficas, com um diâmetro de 60 nm-140 nm. É um vírus de RNA composto por envelope com protrusões em forma de pétala. O primeiro passo para combater uma pandemia é estabelecer precocemente um Comitê de Gestão de Crise interdisciplinar e multidepartamental, composto pela alta liderança da sua instituição, bem como por líderes técnicos, que será responsável por desenvolver as respostas necessárias à crise. O planejamento organizacional no combate à COVID-19 é fundamental, baseadas em evidência científica disponível, permitindo na melhor tomada de decisões. No que concerne aos enfermeiros, o papel de gestor é relevante, na garantia pelo cumprimento das melhores práticas de reorganização de estruturas, controle de infecção e segurança, na gestão das pessoas, no acompanhamento das medidas definidas pelos órgãos de gestão e na comunicação com as equipes e pacientes. Conclusão: É através do processo gerencial que o enfermeiro poderá repensar novas formas de cuidado perante uma pandemia do novo coronavírus, uma vez que, em suas práticas de criação de protocolos e suas atualizações constantes, para que o cuidado seja sistematizado e embasado nas melhores evidências científicas.
Palavras-chave: Gestão em Saúde. Liderança. Betacoronavirus.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Camilla Cerqueira Santana 09-02-2021 12:50:35

O tema em questão é de extrema importância para o atual momento, os parabenizo pela escolha. Texto bem redigido e trabalhado, com muitos esclarecimentos. Porém a conclusão poderia ter sido melhor desenvolvida, envolvendo mais o contexto da pandemia por COVID-19.

Foto do Usuário Maini Aparecida De Freitas Gomes 09-02-2021 12:50:35

o estudo relata com clareza a atual situação que os profissionais de enfermagem estão vivenciando na pratica.

Foto do Usuário Mercia Karoline Da Silva Dias 09-02-2021 12:50:35

Olá! Estudo com tema de grande importância, porém existem alguns ajustes importantes com relação a organização do trabalho em si. Sugiro que organizem para parágrafos de forma mais harmoniosa, há alguns parágrafos com quantidades de linhas menores outros com bem maiores. Creio que é importante enfatizar a formatação do trabalho, sugiro que observem isso. Parabéns pelo trabalho!

Foto do Usuário Ana Cristina De Araújo Santos 09-02-2021 12:50:35

A equipe de enfermagem apresenta-se de suma importância para o enfrentamento da pandemia

Foto do Usuário Amanda Khetleen Gusso 09-02-2021 12:50:35

O tema é de extrema relevância e promove visibilidade à categoria profissional da enfermagem, destacando também as competências para além da técnica, que muitas áreas não conhecem. O trabalho explora bem o tema, mas creio que poderia ser melhor estruturado, sugiro a revisão da formatação. O meu questionamento é: e porque é a enfermagem que desempenha essa liderança?