Efeito do método Pilates no controle da lombalgia gestacional

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Educação Física, Nutrição, Fisioterapia e áreas afins na Gestão, Educação e Promoção da Saúde

Acessos neste artigo: 2


Certificado de publicação:
Certificado de Kelly Christina de Faria

Certificado de participação:
Certificado de Kelly Christina de Faria

AUTORIA

Kelly Christina De Faria , Lays Magalhães Braga , Ângela Paula Soares Da Silva

ABSTRACT
Introdução: Durante a gestação, variações hormonais e biomecânicas no corpo da mulher, propiciam o aparecimento da lombalgia gestacional. Objetivo: Analisar a eficácia do método Pilates no controle da dor e da incapacidade funcional lombar que se apresentam no período gestacional. Materiais e métodos: Trata-se de um estudo experimental, prospectivo, quantitativo, realizado na Clínica de Fisioterapia do UNIPAM, envolvendo 9 gestantes que foram submetidas a 10 sessões práticas do método Pilates. Para a avaliação da dor lombar foi utilizado a Escala Visual Analógica de Dor (EVA) que mensura a intensidade da dor e o Oswestry Disability Index – ODI, que avalia a incapacidade funcional da coluna lombar, incorporando medidas de dor e atividade funcional. Resultados: A média da escala visual analógica (EVA) da primeira etapa para a segunda etapa manteve-se em 4,66 ± 2,34 antes e 4,66 ± 1,93 após as sessões, caracterizando a dor como moderada. A média do questionário ODI foi de 10,55 ± 6,69 para 13,55 ± 7,40. Conclusão: Este estudo revelou que o método Pilates é capaz de minimizar os efeitos causados pela lombalgia gestacional, pois não houve aumento da intensidade da dor lombar nas gestantes participantes da pesquisa. Porém em relação à incapacidade funcional relacionada à dor lombar, o método não se mostrou eficaz tendo como resultado um aumento na média do escore final. 
Palavras – chave: Dor lombar. Pilates. Gestantes.

Para participar do debate desse artigo, .


Comentários
Foto do Usuário Erisvan Vieira Da Silva 09-02-2021 12:50:35

O tema do trabalho é bem atual e relevante tendo em vista que trás a tona as diversas alterações anatômicas, fisiológicas, cinesiológicas e biomecânicas ocasionadas durante a gestação e a importância que a Fisioterapia juntamente com o método Pilates proporciona neste período. A escrita apresenta alguns erros ortográficos e de pontuação. Deixo como sugestão a continuidade do estudo ampliado para além da Clínica de Fisioterapia do UNIPAM com vistas a obter uma maior amostra e melhorar os dados. Enquanto pergunta: tua amostra constituiu-se de 77,8 primíparas, porém a pariedade não foi discutida ao longo do texto. Este fator não exerce efeitos para mais ou para menos nas alterações no organismos durante a gestação?

Foto do Usuário Thamiris Pereira Rodrigues 09-02-2021 12:50:35

Excelente trabalho, bem desenvolvido! Uma ótima temática e bastante relevante.

Foto do Usuário Heidy Priscilla Velôso 09-02-2021 12:50:35

O tema é de grande relevância, sendo que o Pilates vem ganhando espaço nos últimos anos como uma modalidade utilizada para o alívio dos quadros álgicos na coluna lombar durante a gestação. Quais foram as principais dificuldades encontradas para a construção do trabalho exposto? Parabéns!

Foto do Usuário Soraia Buchhorn 09-02-2021 12:50:35

Trata-se de um tema muito importante. Sugiro publicação em periódico científico de alto impacto, visto a necessidade de ampliar o conhecimento nesta temática. Particularmente por experiência, acredito no pilates como meio de intervenção e prevenção para dor lombar na gestação, mesmo em pacientes com problemas de coluna lombar.