VALIDAÇÃO DE ESCALA SOBRE TOLERÂNCIA AO RISCO NAS ESTRATÉGIAS DE DECISÕES DE INVESTIMENTOS EM ATIVOS REAIS

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Finanças

Acessos neste artigo: 2


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível
AUTORIA

Liana Holanda Nepomuceno Nobre , Lucas Davi Fernandes Lopes Paula , Luzia Cecilia De Souza Silva , Fábio Chaves Nobre

ABSTRACT
A pesquisa objetiva validar uma escala para a tolerância ao risco referente a investimentos em ativos reais. Para tanto, utilizou-se a metodologia da Análise Fatorial Exploratória (AFE) sob um instrumento de pesquisa do tipo questionário aplicado à 150 gestores, diretores e empresários que tomam decisões de investimentos em ativos reais referente aos setores de comércio, indústria e serviço. Também foram coletados dados sociodemográficos como as variáveis de: sexo, faixa etária e escolaridade, além de informações o tempo de atuação e o cargo em que ocupam na organização. Os resultados sugerem a formação de dois fatores distintos, sendo o primeiro “conforto e segurança” com o indicador de confiabilidade, alfa de Cronbach em 0,608, sendo este aceitável para pesquisas em ciências sociais aplicadas. O segundo fator chamado de “Compreensão de investimento e noção de risco” apresentou um alfa de Cronbach baixo, indicando baixa confiabilidade no referido.

Para participar do debate desse artigo, .


Comentários
Foto do Usuário Alexandre Ripamonti 09-02-2021 12:50:35

Excelente pesquisa sobre validação de escala para tema relevante em finanças.

Foto do Usuário Késsia Raquel Matos Garcia 09-02-2021 12:50:35

O artigo apresenta um tema relevante. Porém não apresenta alguns questionamentos, como: "Qual a pergunta de pesquisa?" "Qual o método de pesquisa utilizado no estudo?". Como sugestão aos autores de ampliar o referencial teórico utilizando referências também de autores e estudos mais atuais.

Foto do Usuário George Henrique De Azevedo 09-02-2021 12:50:35

Trabalho bem interessante e bem escrito. Temática atual e relevante. Parabéns!

Foto do Usuário Alex De Souza Avelar 09-02-2021 12:50:35

O artigo usou uma survey para validar uma escala, portanto propor a relação entre a "tolerância ao Risco" (variável dependente) e "conforto e segurança", "noção de risco" e "compreensão de investimentos" (variáveis independentes). Neste caso não deveriam utilizar outros instrumentos estatísticos além da AFE?

Foto do Usuário Alexandre Esteves 09-02-2021 12:50:35

Artigo muito bem escrito sobre o tema, que é relevante e atual. Sabe-se que as pesquisas em Finanças, que utilizam dados primários (sem ter "estudantes" como amostra), exigem esforços adicionais e o a pesquisa tem este mérito também. Sugeriria a expansão de dois conteúdos no artigo: (a) a inclusão de uma literatura de base, mais antiga, sobre risco e sobre investimentos em ativos reais (somente para introdução dos temas na revisão teórica) e (b) comentários finais sobre o quanto aspectos macroeconômicos poderiam estar influenciando os resultados (dependendo do momento da coleta de dados, a confiança geral dos empresários poderia estar mais ou menos alterado). Contudo, eu não trataria este último item, pois isto demandaria uma extensão grande do trabalho: somente faria menções sobre possíveis influências macroeconômicas e/ou ambientais. Parabéns aos autores!

Foto do Usuário Alexandre Franco De Godoi 09-02-2021 12:50:35

O tema é relevante e apresenta contribuições. O referencial teórico está bem desenvolvido. Sugiro aos autores explorar mais os resultados obtidos na pesquisa, confrontando com a literatura revisada sobre o assunto.