O IMPACTO DA RESILIÊNCIA NO EMPREENDEDORISMO FEMININO

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Empreendedorismo e inovação

Acessos neste artigo: 3


Certificado de participação:
Certificado de Pablo Marlon Medeiros da Silva

Certificado de publicação:
Certificado de Pablo Marlon Medeiros da Silva

AUTORIA

Pablo Marlon Medeiros Da Silva , Walid Abbas El-Aouar , Arthur William Pereira Da Silva , Ahiram Brunni Cartaxo De Castro , Juliana Carvalho De Sousa , Deyseane Kelia Tavares Dantas

ABSTRACT
Este artigo visa explorar a relação entre a realidade empreendedora feminina com a resiliência humana. Por meio de uma pesquisa descritiva e explicativa e com abordagem quantitativa realizada com 183 mulheres microempreendedoras individuais de duas cidades do Rio Grande do Norte de diferentes ramos. Os resultados apontaram dificuldades enfrentadas pelas pesquisadas como a crise financeira do país, a concorrência, a inadimplência dos clientes, o problema em conciliar as atividades do negócio com questões familiares e pessoais, dentre outras. Apesar de apresentarem níveis consideráveis de resiliência (83%), esta não apresentou correlações significativas entre suas dimensões e as variáveis sociodemográficas estabelecidas nas hipóteses da pesquisa. O estudo traz contribuições importantes, fornecendo subsídio teórico para uma relação ainda pouco explorada, como também proporciona alguns resultados que contrariam o senso comum e pode instigar pesquisadores a conhecer e aprofundar estudos em outras realidades empreendedoras no Brasil e no mundo.

Para participar do debate desse artigo, .


Comentários
Foto do Usuário Tatielle Menolli Longhini 09-02-2021 12:50:35

O trabalho não atende o padrão do congresso. Foi postada uma dissertação completa, não um artigo dela.

Foto do Usuário Talita De Souza Costa 09-02-2021 12:50:35

sugestão: 1) gerar mais gráficos para ilustrar as estatísticas mencionadas. 2) concentrar mais estatísticas em um mesmo indicador. Os questionários utilizados estão em algum repositório público?

Foto do Usuário Thais Moura Carreira 09-02-2021 12:50:35

Temática muito importante para o momento atual, destacando a relevância do papel da mulher para o desenvolvimento econômico. Através da leitura do artigo, foi possível perceber que as mulheres iniciam seus negócios por amor ou vocação, mais do que por necessidades financeiras, entretanto, a continuidade dos negócios resta prejudicada. Considerando que não foi localizada através da metodologia apresentada uma relação direta entre idade, estado civil, religiosidade e nível de resiliência, qual seria o próximo passo para a melhor compreensão dos motivos que fazem das mulheres tão importantes nesse crescimento da inovação? O desenvolvimento do empoderamento feminino mundialmente não seria um fator mais importante historicamente do que os critérios objetivos utilizados na pesquisa?

Foto do Usuário Mariete Ximenes Araújo Lima 09-02-2021 12:50:35

Em análise ao trabalho, sugiro que sejam revistas a ortografia e a sintaxe do projeto, bem como o ajuste textual com base nas orientações da ABNT para as citações, disposição de autores. Recomenda-se a separação das hipóteses e do referencial teórico para não haver cisão conceitual, precisamente elas deveriam corresponder a uma posição anterior a discussão conceitual. Sobre a metodologia, verifica-se que não há uma descrição completa do estudo, uma vez que não estão claro, muitas informações e muito confuso além de virem juntos resultados e metodologia dificultando a leitura. Necessita-se ainda, de detalhamento sobre o tratamento dos dados e as fases que os pesquisadores idealizam para atingir seus objetivos iniciais.

Foto do Usuário Everton Oliveira 09-02-2021 12:50:35

Tema muito relevante e atual. Realmente a questão da não proximidade dos resultados com e a realidade é empreendedora feminina. De uma forma geral está muito bom podendo sim ser apresentado no congresso.

Foto do Usuário Luciana Tupinambá Dessy 09-02-2021 12:50:35

Artigo muito bem pesquisado e desenvolvido, como sugestão poderia apenas incluir em uma próxima etapa uma pesquisa mais aprofundada sobre a relação família x resiliência e as principais dificuldades mais delineadas.