O USO DO FACEBOOK NO ENSINO-APRENDIZAGEM DE DISCENTES: UMA ABORDAGEM DO DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Gestão de RH

Acessos neste artigo: 3


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE SEU TRABALHO

AUTORIA

Fabiula Meneguete Vides Da Silva , Daniel Reis Armond De Melo , Lana Goncalves Rodrigues

ABSTRACT
Um novo contexto educacional foi instalado com o advento da web 2.0, que veio para modificar os métodos tradicionais, de acúmulos de conhecimentos e habilidades, para um processo mais dinâmico que envolve a partilha de conteúdo, compartilhamento de informações e construção coletiva de conhecimento, por meio das mídias sociais. Tendo em vista esse fator, o presente artigo analisou os resultados de uma pesquisa realizada junto aos discentes de Administração da Universidade Federal do Amazonas -UFAM, no contexto da disciplina de Gestão de Tecnologia da Informação (GTI). O objetivo foi identificar as competências sociais, técnicas e de negócio desenvolvidas por meio do gerenciamento de uma página no Facebook. A pesquisa foi realizada por meio da aplicação de questionário, além da realização de uma entrevista estruturada com a professora que ministra a disciplina. Os resultados apontaram uma avaliação de concordância para todas as competências, revelando maior ênfase para as competências técnicas, sendo a mais desenvolvida pelos alunos, a segunda, foram as competências de negócio, relacionada a visão estratégica e ao planejamento e a terceira, e última competência desenvolvida, foram as sociais, que estão estritamente interligadas ao processo da comunicação, negociação e trabalho em equipe. Esses resultados foram confrontados com as informações obtidas na entrevista e se mostraram alinhados com os objetivos almejados pela professora.

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS

Muito bom o artigo e a metodologia aplicada pela Professora. Apenas não ficou claro que tipo de postagens eram feitas (se foi determinado anteriormente ou escolha aleatória do grupo) e como se deu a formação dos grupos?

Foto do Usuário Nathalia Ferreira Lyra 09-02-2021 12:50:35

Tema relevante, especialmente em tempos de mudanças. Muitos cursos estão adotando aulas remotas, em caráter temporário, além da crescente do ensino ead. Gostei bastante do artigo, e o alinhamento da teoria à prática. Acredito que o engajamento possa ser uma linha de estudo para os próximos artigos, as competências sociais. Parabéns! Já experienciei ensino por meio desta ferramenta, o engajamento e acesso à internet se apresentaram como as principais questões.

Foto do Usuário Joyci Maria Inacio Machado 09-02-2021 12:50:35

O artigo tem um tema muito interessante e atual, o Facebook é uma ferramenta de comunicação entre as pessoas, as redes sociais cada dia mais fazem parte da vida das pessoas e na forma de se comunicarem entre si. A interação dos professores com os alunos por meio do Facebook é algo inovador e que pode dar certo, os jovens sempre estão conectados, ainda mais neste momento de aulas remotas. Os alunos e professores compartilharem conteúdos educativos e uma forma até de aprendizado para fixar o que aprenderam e passar esse conhecimento para outras pessoas. Recomenda-se para melhorar ainda mais a estrutura do artigo, uma revisão gramatical, tendo alguns erros de concordância ( exemplos: ''...Além disso, a subcategoria negociação foi desenvolvida com êxito, visto que obteve para todas as afirmações feitas uma avaliação para a concordância'', pág 15). Seria interessante apresentar os dados por meio de gráficos, para ter uma visão mais fácil e completa dos dados obtidos. Vocês têm interesse em aprofundar o artigo em outros níveis de ensino? Seria interessante ver como o uso do Facebook influenciaria no ensino fundamental e principalmente no ensino médio.