ASPECTOS SOCIOECONOMICOS E PESPECTIVAS DA AGRICULTURA: ESTUDO DE CASO DA COMUNIDADE MARACAJÁ EM PARAMOTI, CEARÁ

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Agricultura

Acessos neste artigo: 2


Certificado de publicação:
Certificado de Fernando Bezerra Lopes

AUTORIA

Erialdo De Oliveira Feitosa , Raí Rebouças Cavalcante , Fernando Bezerra Lopes , Lívia Mota Rodrigues

ABSTRACT
O levantamento de dados socioeconômicos consiste em uma tarefa essencial para compreender a realidade local e proporcionar a elaboração de medidas para o desenvolvimento e preservação da comunidade. Os sistemas de produção agrícola familiar promovem desenvolvimento econômica, e apresentam potencial sustentável quando são norteados por assistência técnica continuada. Assim sendo, objetivou-se analisar influência dos aspectos socioeconômicos dos assentados da comunidade Maracajá, em Paramoti, Ceará, na atividade agrícola familiar. A pesquisa teve como base metodológica uma revisão bibliográfica acerca do tema, aplicações de questionários, e interpretação dos resultados. A comunidade é formada por 63 famílias, destas 33 foram entrevistas. Foram levantados os aspectos socioeconômicos e os meios de produção das famílias. 80% dos moradores possui apenas o ensino fundamental incompleto. Cerca de 80% dos moradores vivem da agricultura. A renda média por família varia entre R$ 400,00 a 1000,00, apresentando alta vulnerabilidade econômica.  A produção de alimentos local é para o próprio consumo indicando que o sistema de produção é familiar, não existindo oportunidade para comercialização, devido à baixa produtividade. Os agricultores não recebem assistência técnica nos últimos anos.

Para participar do debate desse artigo, .


Comentários
Foto do Usuário Fernando Nobre Cunha 09-02-2021 12:50:35

Seria interessante que as Figuras fossem em preto e branco, com seus títulos abaixo das mesmas; mas de maneira geral o artigo está bem escrito e organizado.

Foto do Usuário Leticia Graziella Teixeira Nunes 09-02-2021 12:50:35

Conhecer o perfil socieconômico das comunidades voltadas à agricultura é importante para obter dados reais das comunidades agrícolas e servem de instrumento para nortear políticas públicas. Pergunta: está no artigo que a escolha da comunidade se baseou na representatividade da comunidade na região. A que se refere essa representatividade? Sugestão: poderia fazer comparativo com dados de outros assentamentos.

Foto do Usuário Andrey Martinez Rebelo 09-02-2021 12:50:35

O trabalho é sem dúvida interessante mas poderia ser apresentado em evento sobre água ou na área ambiental. Visto que o aproveitamento de água de condicionadores de ar seria muito mais útil para área urbana que agrícola.

Foto do Usuário Adda Ellen De Lima Silva 09-02-2021 12:50:35

Creio que fazer um estudo do perfil econômico enriqueceria mais o trabalho